Páginas da Vida é cotada para voltar ao ar: veja cinco curiosidades sobre a novela

A atriz Joana Mocarzel é uma das principais estrelas do elenco de Páginas da Vida (Foto: Divulgação)

Ana Paula Arósio, Fernanda Vasconcellos, Lília Cabral, Thiago Rodrigues, Tarcísio Meira, Sônia Braga e Joana Mocarzel podem voltar à brilhar nas telinhas após a parceria em Páginas da Vida. A novela exibida originalmente em 2006 está cotada para ser uma das próximas reprises do Canal Viva.

Veja também – Confira cinco novelas que fizeram sucesso no Brasil, mas não deram certo no exterior

As informações são da jornalista Cristina Padiglione, que em sua coluna no jornal Folha de S. Paulo revelou as movimentações nos bastidores para que a novela retorne. Ainda não há confirmação oficial por parte do canal, mas as fontes indicam que Páginas da Vida realmente deve ser a próxima escolhida. Vamos relembrar um pouco das curiosidades sobre a novela:

Atriz trocou Globo pela Record

Por pouco, Lavínia Vlasak não interpretou a personagem Simone. Tudo mudou quando a Record fez uma proposta para a atriz, a qual acabou desfalcando a novela de Manoel Carlos. A escolha foi correta, pois Vlasak fez sucesso como protagonista de Prova de Amor.

Veja também – Confira cinco novelas da concorrência que deixaram a Globo desesperada

Lavínia Vlasak por pouco não esteve em Páginas da Vida (Foto: Divulgação)

Polêmica com Grazi Massafera

Quem é da época se lembra que a primeira novela de Massafera na Globo foi Páginas da Vida. É a esta novela que a atriz deve parte das dificuldades que enfrentou ao ser rejeitada por parte de colegas de trabalho, que supostamente a boicotavam e não suportavam a ideia de Grazi Massafera ser uma ex-BBB que virou atriz. Por ser seu primeiro trabalho, Massafera sofreu para emplacar e teve de lidar com uma enxurrada de críticas negativas.

Veja também – Sem emprego na TV, veja quais ex-atores da Globo viraram motoristas de aplicativo

Impacto da novela no exterior

Ao ser vendida para mais de sessenta países, Páginas da Vida teve diversos momentos de glória tanto aqui no Brasil, quanto no âmbito internacional. Seu impacto chegou a ser representativo principalmente no Equador, lugar em que a novela chamou tanta atenção ao discutir a Síndrome de Down que tornou-se campanha para defesa da pessoa com deficiência.

Banner de divulgação da novela Páginas da Vida (Foto: Divulgação)

Nudez explícita em pleno horário das 20h

Foi por conta de uma cena polêmica de Páginas da Vida que a Classificação Indicativa, método brasileiro em que recomenda programas por faixas etárias para crianças e adolescentes, ganhou força no setor político. No dia 13 de julho de 2006, a Globo foi criticada ao exibir em pleno horário das 20h uma cena em que Ana Paula Arósio aparecia explicitamente nua. A partir de então, os políticos passaram a usar esta situação como argumento para regulamentar os graus de nocividade na TV.

Veja também – Em meio a grande expectativa por Pantanal, relembre os remakes que fracassaram

Um dos maiores picos de audiência da década

Literalmente, Páginas da Vida pegou o embalo de sua antecessora, Belíssima. Manteve um alto nível de audiência e, em seus momentos mais significativos, batia facilmente os 60 pontos de audiência, número totalmente inimaginável na TV de hoje em dia que compete com os streamings on demand e a internet. No capítulo do dia 07 de agosto de 2006, em que Nanda (Fernanda Montenegro) morreu e esteve sendo velada, além das cenas terem ultrapassado a marca de 60 pontos, notícias da época dão conta que os telespectadores praticamente em sua unanimidade assistiam à novela, esvaziando a concorrência.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *