Após brigas constantes em novela, diretor mandou Maitê Proença ser jogada de penhasco

Maitê Proença era a vilã de Cara & Coroa (Foto: Divulgação)

Existem pessoas que não importa de quem se trata, mas se for contrariado ou tiver algo mal resolvido a acertar, esta pessoa vai encontrar cara a cara qualquer um. No entanto, neste caso em específico, a atriz chamou atenção com o quanto foi destemida.

Veja também – Fiasco total: Saiba qual novela precisou de pedido de desculpas ao público por ser tão ruim

Sem pensar duas vezes, não quis saber de retaliações e foi bater de frente com a pessoa menos recomendada: o seu próprio chefe. Estamos falando de Maitê Proença, que brigava constantemente com Wolf Maya nos bastidores de Cara & Coroa (1995).

Ela fazia par com Victor Fasano e ainda tinha um romance com Miguel Falabella na novela. As indisposições de Proença com Maya eram intensas, ao ponto de que ficava nítido para todos da equipe. Também havia uma tensão constante em saber quais seriam as consequências desse embate.

Afinal, um diretor de uma novela jamais aceitaria ser submisso a qualquer colega de trabalho. Poderia ser a maior estrela de Hollywood, mas diretores estão no maior patamar existente em uma produção e não costumam se rebaixar.

Veja também – Após 20 anos de acidente, saiba como está o ex-galã global que ficou paraplégico

Certo dia, sem sequer comunicada antecipadamente, Maitê Proença pegou os roteiros das próximas gravações e tomou um susto. Miguel Falabella relatou em entrevista ao livro Autores, Histórias da Teledramaturgia que a surpresa foi imediata e que a atriz se mostrou sem reação diante do que Wolf Maya orquestrou contra ela.

“Um dia, Maitê Proença me ligou e perguntou se eu já tinha lido o bloco novo. Eu respondi que não, e ela falou: ‘O capítulo 49 termina numa cena em que aparecemos eu, você e a Christiane Torloni no alto de um penhasco'”, disse Miguel Falabella.

O diretor determinou que fosse gravada uma cena em que Maitê Proença morria ao ser jogada de um penhasco, logo nas primeiras semanas da novela. Até aí tudo bem, se não fosse o pequeno detalhe de que ela interpretava a vilã principal.

Diretor Wolf Maya (Foto: Divulgação)

Maya achou melhor dar um sumiço na personagem, do que vê-la continuar atrapalhando. A cena do penhasco aconteceria com a própria Maitê Proença e envolvia alto risco. Ela conseguiu se livrar de gravar o momento da queda, mas a dublê não teve a mesma sorte.

Veja também – Mancha na história das novelas, escândalo entre atores chocou pela baixaria: “Velho broxa e gagá”

Como era de se esperar, a profissional contratada para ficar no lugar de Proença sofreu um acidente na gravação e passou um bom tempo para conseguir se recuperar. Em uma outra entrevista, Falabella revelou que ninguém esperava a saída repentina de Maitê Proença.

O fim da personagem da atriz foi tão inesperado que não se pensou nas consequências do fim da personagem, o que acabou afetando o desempenho de Miguel Falabella na novela: “A saída da Maitê foi frustrante, porque ela interpretava a minha mulher, e eu fiquei sem rumo na novela”.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.