Antes de se assumir, Marco Pigossi já chamou atenção ao viver gay em novela das sete; relembre

Marco Pigossi interpretou diversos papéis na TV (Foto: Divulgação)

A última quinta-feira, 26 de novembro, foi marcada pela repercussão do caso de um ator que resolveu contar sobre sua vida pessoal. Marco Pigossi revelou estar namorando o diretor italiano Marco Calvani e ainda ironizou na legenda da foto em que aparecia de mãos dadas com o amado: “Chocando um total de 0 pessoas”.

Veja também – Quanto Mais Vida Melhor tem autor estreante: Veja quatro novelas das sete com autores estreantes que fracassaram

Existiam muitos boatos sobre o assunto, porém, em todos os casos ele desconversava. Em entrevista com Tatá Werneck no ano de 2018, no quadro em que os entrevistados falam sobre assuntos íntimos, o ator não deixou escapar nenhum detalhe que dava a entender uma homo ou bissexualidade.

Ao assumir o relacionamento com o diretor, vem à tona um outro longo namoro de Pigossi com a biomédica Janaína Gomes, onde estiveram juntos por três anos. No caso de Calvani, ele e o ator brasileiro já foram vistos juntos em outros momentos, o que dá a entender que o namoro começou em 2020.

Marco Pigossi e seu namorado, o cineasta Marco Calvani (Foto: Divulgação)

Ao mesmo tempo que esses detalhes são discutidos por conta da revelação que ele fez, relembra-se que um dos grandes papéis da carreira de Pigossi foi interpretando um personagem homossexual.

Em Caras & Bocas (2009), o ator interpretou Cássio. Ele era um gay bastante caricato e cheio de bordões. De uma personalidade afiada e daqueles que não fugiam de nenhum assunto, Cássio marcou uma geração.

Veja também – Os pesadelos de Walcyr Carrasco: Entenda por que Camila Queiroz, Marina Ruy Barbosa e Taís Araújo são as maiores inimigas do autor

Marco Pigossi o interpretava divinamente e é por isto que, entre os mais diversos personagens dele, imediatamente relembramos este que foi feito por ele para a novela de Walcyr Carrasco e que foi ao ar há mais de uma década.

Entre os bordões mais marcantes, Cássio se destacava por dois mais especificamente: “Estou rosa chiclete” e “Choquei”. Em entrevista para o UOL em 11 de dezembro de 2009, Marco Pigossi comentou sobre a repercussão do personagem.

Marco Pigossi era Cássio em Caras & Bocas (Foto: Divulgação)

Em dado trecho da entrevista, a matéria diz: “Mesmo sendo sempre indagado quanto a sua orientação sexual, Marco – que é heterossexual – não se incomoda e afirma que não teve nenhum preconceito em fazer o personagem”.

Veja também – O fim de uma grande carreira: Conheça a história da atriz que deixou as novelas após perder a voz

Na mesma reportagem divulgada pelo UOL, Pigossi disse sobre Cássio de Caras & Bocas: “Ele é um personagem perigoso, porque é muito caricato. Tive de tomar cuidado para não errar na dose […] Fico até reparando no jeito de alguns cabeleireiros e maquiadores e tento colocar essas características no Cássio”.

O ator chegou a criticar a forma afeminada do personagem: “Às vezes não gosto de alguns trejeitos, outros já fazem parte do papel”. Porém, fez um adendo: “Eu defendo o papel, não o faço como se ele representasse os homossexuais”.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *