José tenta retomar as terras de Daomé, é ameaçado por Tertulinho e dispara: “Ladrão de gravata”

Tertulinho ameaça atirar em José Mendes
Tertulinho ameaça atirar em José Mendes (Foto: Reprodução)

Depois de perder a presidência da JM Chaddah para Laura (Eli Ferreira), José Mendes (Sergio Guizé) decidirá atacar e, com isso, tentar retomar as terras de Daomé (Wilson Rabelo) para si nos próximos capítulos de Mar do Sertão. Porém, ao avistar o rival parado no local, Tertulinho (Renato Góes) o ameaçará, fazendo, então, com que o ex-vaqueiro não se intimide e dispare duras críticas contra ele na trama de Mario Teixeira.

Na ocasião, o amado de Candoca (Isadora Cruz) provocará o advogado ao dizer que, depois de vários anos morando lá, aquele terreno pertencia ao amigo por direito de posse, e que se o pedaço de terra ainda está com o coronel é porque ele roubou. “A diferença, projeto de coronelzin, é que tem quem rouba e é preso. E tem quem manda roubar e prender. Seu pai é desses últimos, ladrão de gravata, visse. Não emporcalha o terno, não. Manda os outros fazerem o trabalho sujo por ele”, disparará o novo rico.

Veja também: resumo dos próximos capítulos de Mar do Sertão

Em seguida, Joel (Matteus Cardoso) deixará claro a todos que concorda com as palavras do ex-colega de trabalho, fato este que fará com que o vilão fique bastante irritado, a ponto de ele tentar partir para cima do protagonista. “Pelo menos nisso tu é diferente do teu pai. Tu gosta de se sujar, né?”, atiçará o pai de Manduca (Enzo Diniz), sorridente.

Tertulinho ameaça José

Já sem paciência, o antagonista chegará a ordenar aos funcionários para que atirem em José. Nessa hora, Catão (Déo Garcez) ameaçará atentar contra a vida do empresário, mas não terá coragem, enquanto Joel recusará. “Bora, se junto com ele então! Tu vai se embora com ele!”, esbravejará o personagem de Renato Góes, possesso com o empregado e o demitindo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.