Éramos Seis: Karine fala demais e entrega que não suporta Assad

Éramos Seis: Karine fala demais e entrega que não suporta Assad

Éramos Seis
Karine revela não amar Assad em Éramos Seis (Foto: Divulgação)

Karine (Mayana Neiva) acabará falando demais em Éramos Seis e entregará que não suporta Assad (Werner Schünemann), seu próprio marido.

Com as malas prontas para embarcar para o Rio de Janeiro, Karine conversará com Natália (Marcela Jacobina) para se despedir da amiga antes de ir embora.

“Veja, Natália, saiu tudo como planejamos… Nós vamos morar no Rio, e o Almeida continua com você aqui em São Paulo…”, disparará ela.

Para quem não lembra, Karine fez com que Natália fizesse a cabeça do marido para oferecer uma boa proposta de dinheiro a fim de impedir que Assad se mudasse para o interior de São Paulo.

A personagem de Mayana Neiva continuará comemorando a nova fase em sua vida e a viagem para a capital fluminense. Ela então entregará que não suporta o comerciante e surpreenderá com as declarações para a amiga.  “Ora, Natália… imagino que, a primeira vez que viu Jorge e eu juntos, pensou… O que será que ela viu nele? Como pode se casar com um homem assim mais velho?”, dirá ela, segundo informações do site Observatório da Televisão.

“Certas coisas não se pode disfarçar. Mas, Natália, acredite, eu tento… Tento mesmo… Procuro gostar do Jorge. Mas às vezes me sinto tão só… no quarto, enquanto ele dorme na sala… roncando… Aqui não tenho sido muito feliz no meu casamento… espero que tudo mude quando estivermos na capital federal”, disparará ela, que ainda começará a ter um caso com Alfredo (Nicolas Prattes) e trairá o vendedor de tecidos na maior cara dura.

AINDA SOBRE ÉRAMOS SEIS

Éramos Seis
Shirley em Éramos Seis (Foto: Divulgação)

Shirley (Barbara Reis) se fará de vítima para Inês (Carol Macedo) em Éramos Seis pra tentar se aproximar de Afonso (Cassio Gabus Mendes).

Ela conversará com a filha e se fará de vítima, alegando estar pobre e sem dinheiro para sobreviver sozinha. Shirley conseguirá manipular a filha, que pedirá para o pai ceder um espaço na casa para acolher a sua mãe.

“Não, não vou mexer uma palha. Por favor, não atrapalhe minha vida. Volta agora mesmo para a Bahia”, falará Afonso em conversa com a sua ex.

Shirley recorrerá ao último recurso e pedirá ajuda de Inês. “Não quero viver com rancor. Não quero julgar suas escolhas. Mas o que pretende agora?”, perguntará Inês após cair na chantagem de emocional. “Tem mais uma coisa que quero te pedir, além do seu perdão. Sinto tanta saudade, saudade de mãe não passa. Não sei se tenho esse direito de te pedir, mas vou tentar”, falará a traidora.

Leia também: Amor de Mãe: Após ameaça com seu filho, Vitoria vira inimiga de Alvaro

Afonso não gostará nada disso e ordenará que Shirley volte para Salvador, mas ela se negará. “Por que não? Não é lá que Shirley resolveu levar a vida? Foi embora daqui para morar com João Aranha. Então, por que não nos deixa em paz e fica com ele até o fim? Pelo resto da vida”, reclamará o comerciante.

“O João Aranha morreu. Minha mãe não tem mais ninguém, está sozinha no mundo. E me fez um pedido”, revelará Inês. “Um pedido? O que ela quer? Que vá embora com ela? Não vá, minha filha, não caia em outra da sua mãe”, retrucará Afonso.

“Não, ela pediu para ficar aqui comigo”, disparará a enfermeira. “Errou muito, mas é minha mãe. Disse que quando ficou viúva, teve crises nervosas, angústias. Ela não tem dinheiro, não tem um teto, não tem para onde ir. Pai, eu não posso desampará-la. Eu entendo sua raiva”, continuará ela.

Com medo de se afastar da filha, Afonso cederá na novela da Globo. “Como posso posso abandonar minha mãe? Se ela for embora, eu vou junto com ela”.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *