Vencer o Desamor: Cinco coisas que você precisa saber sobre a nova novela das tardes do SBT

Protagonistas de Vencer o Desamor (Foto: Divulgação)

O SBT bateu o martelo sobre o futuro de suas novelas da tarde. Vencer o Desamor será o próximo folhetim da faixa nobre de novelas da emissora de Silvio Santos, atualmente ocupada por A Desalmada às 18h45.

Veja também – Saiba qual estrela de A Desalmada foi internada após dependência química

A escolha de Vencer o Desamor nos faz ressaltar alguns detalhes referentes a trama exibida originalmente no México há mais de um ano. Separamos curiosidades que valem a pena conhecer antes da estreia da novela, prevista para novembro. Acompanhe a seguir:

É uma continuação

Dos últimos anos para cá, popularizou-se no México as continuações de novelas. Ou seja: diferentemente do que acontece com a maioria de folhetins no Brasil, os mexicanos estão se acostumando a criar várias versões de uma história.

Então, Vencer o Desamor trata-se do quarto título de uma franquia criada por Rosy Ocampo. Além de Desamor, a franquia Vencer também tem outras novelas com os subtítulos: Medo, Passado e Ausência.

Triângulo amoroso de Vencer o Desamor (Foto: Divulgação)

O título seria outro

Apesar de ser uma continuação direta de Vencer o Medo, Vencer o Desamor marcaria o fim da franquia criada por Ocampo. Tanto é que, ao anunciar a produção, foi dado um outro título à novela. O primeiro nome foi El Ya No Vive Aquí (Ela Partiu, em tradução livre), ideia que acabou sendo deixada de lado.

Veja também – Sucesso das novelas das tardes do SBT, A Desalmada ganhará uma continuação

Impacto da pandemia

Assim como aconteceu com um grande número de produções, Vencer o Desamor recebeu o impacto do agravamento da crise causada pelo aumento de infecções por Covid-19. Portanto, as gravações da novela tiveram que serem adiadas por três meses, até que fossem definidos os protocolos de retorno aos estúdios.

Cena de Vencer o Desamor (Foto: Divulgação)

Sororidade feminina

Em diversos anúncios, a Televisa quis deixar claro qual seria o principal objetivo de criar Vencer o Desamor. A novela era tida como um incentivo à sororidade feminina, em uma época onde se fortaleceram diversas discussões sobre o engajamento de mulheres.

Veja também – Vingança, acerto de contas, confissões e muito mais: Saiba como será o final de A Desalmada

Durante uma entrevista na época da estreia de Vencer o Desamor, a autora do dramalhão mexicano declarou: “Vamos tocar em temas diferentes […] Terão quatro mulheres sem nada em comum umas com as outras e por circunstâncias externas elas vão ser obrigadas a viver no mesmo telhado […] Queremos promover um conceito que precisamos hoje mais do que nunca: a sororidade“.

Boa aceitação 

Por ter tido a infeliz coincidência de ser exibida no auge de uma pandemia, Vencer o Desamor conseguiu alcançar um bom público. Teve uma audiência bastante aceitável para os padrões do Canal de Las Estrellas e foi líder de audiência consolidado, num momento em que a TV viu seus números crescerem com a quantidade de pessoas confinadas. Não foi um fenômeno, mas correspondeu as expectativas de todos os envolvidos.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.