Veja cinco novelas que fizeram sucesso na exibição original, mas fracassaram na reprise

Donatela e Flora em A Favorita (Foto: Reprodução)

A conclusão nos bastidores da Globo é uma só: a reprise de A Favorita no Vale a Pena Ver de Novo não vai deixar saudades. Afinal, a novela marcou índices aquém dos esperados para a faixa e, com isto, os planos tiveram que ser alterados às pressas.

Veja também – Dívidas, problemas na Justiça e mais: Saiba o drama do ex-galã global que acaba de ser despejado

Anteriormente, a expectativa era para que a novela fosse reapresentada na íntegra, uma vez que era um dos títulos mais pedidos pelo público. Entretanto, na prática, o desempenho da audiência não foi nada animador.

Com isto, um coringa foi retirado da manga dos diretores globais, como forma de salvar a faixa. A reprise de O Rei do Gado assume o horário e promete salvar os índices perdidos com A Favorita. Mas, esta estratégia de salvamento nem sempre funcionou. Relembramos os casos:

Celebridade

Em 2018, a Globo contou os dias e as horas para o término da reprise de Celebridade. A primeira exibição teve números próximos aos 50 pontos e boa parte se atribuiu à audiência herdada por Mulheres Apaixonadas. Em seu auge, chegou a ter picos em torno dos 68 pontos.

Cláudia Abreu e Malu Mader estrelavam Celebridade (Foto: Divulgação)

Esperava-se que a primeira reprise da novela fizesse um certo barulho, o que não aconteceu. A média de audiência da reprise só alcançou cerca de 35% da média da exibição original. Muitos atribuíram o péssimo desempenho aos cortes realizados na edição, por conta das cenas fortes e violentas.

Veja também – Arquivo mofado? Saiba cinco novelas clássicas que têm capítulos perdidos

Cobras e Lagartos

Novelão de João Emanuel Carneiro, Cobras e Lagartos tinha todos os elementos de uma trama farofa, daquelas que agradava a todos os públicos e classes sociais. A exibição original foi responsável por suceder o fracasso Bang Bang em 2006 e ressuscitar a faixa das sete com maestria.

Thaís Araújo e Lázaro Ramos em Cobras e Lagartos (Foto: Divulgação)

Mas, provavelmente por um erro de estratégia, a reapresentação aconteceu na época da Copa do Mundo. Com isto, os capítulos não tinham horário certo para exibição, o que afastou o público. A reprise não chegou nem perto da metade dos números alcançados pela audiência da primeira exibição, que atingiu 38 pontos de média.

Veja também – Vamos faturar? Confira quais são as cinco novelas mais vendidas do mundo

Roque Santeiro

Recentemente, ouviu-se falar sobre a possibilidade de Vale Tudo ir ao ar em homenagem aos 70 anos das novelas brasileiras. Mas, a ideia foi abortada provavelmente por conta de uma experiência parecida com Roque Santeiro.

Roque Santeiro é uma das novelas mais marcantes da Globo - Foto: Reprodução
Roque Santeiro é uma das novelas mais marcantes da Globo (Foto: Reprodução)

No fim dos anos 2000, a Globo reprisou Roque Santeiro com o objetivo de ter números semelhantes aos 100% de share alcançados na primeira exibição. A aposta acabou sendo frustrada, com apenas 15 pontos de média e derrotas constantes para o coringa do SBT, Chaves.

Veja também – Das telinhas para os palcos: Veja cinco novelas que fizeram sucesso na TV e também nos teatros

Terra Nostra

Mais um novelão rural de Benedito Ruy Barbosa, Terra Nostra superou todas as expectativas da Globo e animou os executivos, que planejaram até mesmo uma continuação para a novela. No ano de 2004, o Vale a Pena Ver de Novo anunciou a reapresentação do clássico de Benedito.

Thiago Lacerda e Ana Paula Arósio são os protagonistas de Terra Nostra (Foto: Divulgação)

Entretanto, os resultados foram frustrantes e bem diferentes dos 44 pontos de média da primeira exibição. Com isto, a novela foi completamente picotada e perdeu mais de 100 capítulos com relação a exibição original.

Veja também – Oito novelas brasileiras que ganharam o Emmy Internacional, o Oscar da TV mundial

Roda de Fogo

Um novelão daqueles de envolver qualquer um, Roda de Fogo (1986) deu trabalho em sua reta inicial. Isto porque, segundo constam os relatos da época, a novela era considerada muito inteligente e requintada para o público cativo da faixa.

Elenco principal de Roda de Fogo (Foto: Reprodução)

Entretanto, este problema foi superado na medida em que foram realizadas algumas mudanças na trama. Com o sucesso da primeira exibição, foi providenciado a reprise para 1990 e a experiência foi frustrante. Sem o resultado esperado, a reapresentação teve apenas 34 capítulos. A justificativa dada na época foram as transmissões da Copa do Mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.