Segundo Sol: Karola enlouquece e tenta cortar a garganta de Laureta em embate entre vilãs

Karola e Laureta em cena de Segundo Sol (Foto: Divulgação)
Karola e Laureta em cena de Segundo Sol (Foto: Reprodução)

Nos últimos capítulos de Segundo Sol, Karola (Deborah Secco) finalmente descobrirá que é filha de Laureta (Adriana Esteves). Após essa descoberta, ela irá até Severo (Odilon Wagner), seu pai, para descobrir o paradeiro da vilã-mor da novela. O empresário revelará à filha o endereço em que a ex-amante se esconde e Karola irá até o local para confrontar a mulher que ajudou a arruinar sua vida. Lá, as duas terão um forte embate, com direito a filha ameaçando matar a própria mãe. É o que adianta o site do jornalista Daniel Castro.

Então é aqui a sua nova casa, mamãezinha?”, questionará a perua ao chegar no local. “O que é que você tá dizendo, tá surtada?”, questionará Laureta. Escondida da polícia após ser flagrada matando Du Love (Ciro Sales), a cafetina estará até com um nome falso.  “Mamãezinha? Claudia é o seu nome agora, não é, a mulher fina, recém-chegada em Itaparica! O motorista do táxi me contou, eles sabem de tudo que acontece nessa ilha. Só não sabem ainda que eu sou sua filha”, disparará Karola.

Lauretas sugerirá que Dulce (Renata Sorrah) inventou toda a história e atacará até a freira que cuidou de Karola enquanto ela cresceu no orfanato. “Papai Severo Athayde me deu seu paradeiro”, retrucará Karola. Laureta continuará fingindo não saber do que a perua está falando, e Karola se irritará. “Para de mentir pra mim, mamãe! A irmã Felipa me confirmou tudo”, dirá.

O pior de tudo é isso, eu sou sua filha. Parece uma comédia mas é uma tragédia, mamãezinha. Como é que você teve coragem? Você é muito pior do que eu imaginava, muito pior, você me fez passar a vida pensando que eu fui abandonada por uma família pobre num convento, uma enjeitada. Em nenhum momento pensou em mim, em como isso ia me marcar, em meu sofrimento, meu desamparo”, dirá Karola.

Laureta argumentará dizendo que tirou Karola do orfanato, mas será interrompida. “Me levou pra sua casa como se tivesse me fazendo um grande favor, me prostituiu, fez de sua própria filha uma quenga. Como você foi capaz disso? Não é possível que corra algum sangue aí nessas suas veias, que tenha um coração dentro de você“, dirá Karola.

Laureta pedirá para que Karola a deixe explicar tudo, mas terá seu pedido negado. “Não. Não deixo. Você me botou pra trabalhar como prostituta sabendo que eu era filha de um dos homens mais ricos da Bahia. Eu podia ter tido irmãos, morar numa bela mansão“, dirá Karola. “Severo não lhe quis”, argumentará a cafetina.

Só me tirou daquele convento porque eu passei a ser um bom negócio pra você, já mocinha. Como é que você dizia? A menina mais linda da Bahia? Além de ganhar dinheiro comigo rodando bolsinha, você ainda arrancava dinheiro e favores daquele velho nojento“, prosseguirá.

Será que você não vê que acabei lhe fazendo um bem? Severo nunca prestou, tanto que deu no que deu, tá arruinado“, retrucará Laureta. “Ah, claro, eu tava muito melhor do que eles, órfã, solitária, infeliz, depois prostituída. Realmente você me salvou de ser uma Athayde! Você fez o melhor que podia por mim, pode ficar com sua consciência tranquila, mamãezinha querida”, devolverá a ex-mulher de Beto Falcão (Emilio Dantas).

+Segundo Sol: Agenor invade festa de família e apanha de namorado de Nice

Karola surpreenderá Laureta ao puxar um canivete do bolso e avançar para cima da mãe, deixando o objeto bem no pescoço da loira. “Cala a boca! Eu devia te matar, é isso que você merece, desgraçada”, disparará. Desesperada, Laureta tentará argumentar e se defender.

“Eu era inconsequente, não tinha escolhido ser mãe, aconteceu, eu fui praticamente estuprada por Severo, Karola! Severo queria que eu tirasse, mas não tive coragem, a saída foi te levar pro mesmo convento onde fui educada. Eu passei pela mesma coisa que você, com aquelas mesmas freiras depois que meu pai foi preso pelos militares e minha mãe enlouqueceu”, dirá.

Eu fiz de você uma vencedora, uma campeã! Te apresentei Beto Falcão, cuidei esses anos todos de você, de seus interesses… Fui até capaz de comprar um bebê morto, de matar Januária [Zeca de Abreu], por sua causa! Eu te dei de presente o filho que a natureza não quis lhe dar”, prosseguirá.

Porque era de seu interesse também. Além de tudo que você fez com minha vida, você fez de mim seu negócio mais lucrativo, sempre me chantageando pra arrancar mais um trocado de mim quando podia, sua vampira sanguessuga dos infernos. O mundo seria muito mais bonito se você não existisse! E sou eu quem vai fazer justiça! Eu que vou acabar contigo, demônia”, berrará Karola na sequência.

Vai fazer o quê? Cortar minha garganta? Matar sua própria mãe? Vai, mata então! Você não é capaz de matar, Karola“, dirá Laureta, que será solta por Karola. “Não tá nos meus planos me sujar com o seu sangue, não. Vou fazer melhor, vou entregar seu paradeiro pra polícia, você vai em cana”, disparará a perua.

Laureta sugerirá que Karola se torne sua sucessora e que leve Remy (Vladimir Brichta) para morar com ela na mansão. A mãe falsa de Valentim (Danilo Mesquita), no entanto, permanecerá irredutível. “Aproveita aí seus últimos momentos antes de ver o sol nascer quadrado, mamãe, que a polícia vem aí“, dirá ela, deixando o local.

+Segundo Sol: resumo dos próximos capítulos

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.