Saiba cinco motivos que fazem de Mar de Amor uma das piores novelas mexicanas que o SBT já exibiu

Novela Mar de Amor está de volta no SBT (Foto: Reprodução)

Antes do fim da primeira quinzena de dezembro, o SBT vai mudar sua grade de programação. Conhecida por sua rotatividade nas atrações, a novidade desta vez será mais um horário para as novelas mexicanas, que é seu carro-chefe.

Veja também – Os pesadelos de Walcyr Carrasco: Entenda por que Camila Queiroz, Marina Ruy Barbosa e Taís Araújo são as maiores inimigas do autor

A iniciativa vem para frear as quedas drásticas de audiência que a emissora vem enfrentando. Com isto, Mar de Amor estreará mais especificamente no próximo dia 13 e a ideia é que seja revertido os índices baixos ultimamente registrados. Porém, há quem diga que eles pecaram na escolha. Veja cinco motivos que nos fazem acreditar nisto:

Dublagem péssima

A forma com a qual Mar de Amor foi dublada é um misto de mau-gosto com desastre. Conforme citado anteriormente aqui no Resumo das Novelas On, a novela chega a ser incômoda pela dublagem escolhida. Assíncrona e artificial são algumas das principais características que os críticos atribuem a dublagem de Mar de Amor.

Veja também – O fim de uma grande carreira: Conheça a história da atriz que deixou as novelas após perder a voz

Segundo os especialistas, isto ocorreu porque a dublagem da novela era direcionada ao público africano, que costuma assistir novelas com os personagens menos enfáticos e com pouca emoção.

Elenco extenso

Sabe o elenco das novelas bíblicas da Record? É mais ou menos assim que acontece com Mar de Amor. Conhecida por ter sido muito bem quista, as más línguas contam que foi dada carta branca para que Delia Fiallo, que é autora da novela, chamasse todos os seus amigos e pessoas que gostava. Isto deixa a trama com diversos personagens secundários e isto pode confundir aqueles que optam por um título mais enxuto e objetivo.

Delia Fiallo era a autora de Mar de Amor (Foto: Divulgação)

Clichê à beça

Mocinha pobre, vilãs belíssimas e que parecem modelos de capa de revista, galã manipulável e que fica entre a cruz e a espada porque se apaixona pela mocinha que é de classe social diferente da sua. Parece que estamos falando de um perfil, mas é fato. Este clichê existe em diversas novelas mexicanas e com Mar de Amor não é nada diferente.

Veja também – Cinco casos de atores mexicanos que morreram de forma trágica

Protagonista inexpressivo 

O ator Mario Cimarro protagonizou Mar de Amor ao lado de Zuria Vega e deu uma grande dor de cabeça nos bastidores. Parece que todo o problema era perceptível por quem assistia, uma vez que Cimarro dá vida a um protagonista, mas não empolga e é inexpressivo, sem demonstrar química ao contracenar com as demais figuras do elenco. Até mesmo atores coadjuvantes como Victor Manuel chamavam mais atenção do que ele.

Mar de Amor foi protagonizada por Zuria Vega e ‎Mario Cimarro (Foto: Divulgação)

Vilão enfadonho

A intenção de um vilão numa novela é incomodar. Porém, no caso de Leon (Manuel Landeta), ele abusava da boa vontade do telespectador. Como forma de fazer a “barriga” – termo audiovisual em que se refere às enrolações que se fazem nas histórias -, a extensa perseguição do personagem tentando matar Estrella (Zuria Vega) acaba causando um cansaço em qualquer um, até mesmo nos mais apaixonados nas novelas.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *