Rejeitando papéis, ator que fez Calixto em O Cravo e a Rosa descarta retorno às novelas: “Não quero mais”

Calixto e Mimosa em O Cravo e a Rosa (Foto: Reprodução)
Calixto e Mimosa em O Cravo e a Rosa (Foto: Reprodução)

Aos 74 anos e cheio de vida, disposição e saúde para trabalhar. Pedro Paulo Rangel, eternizado na pele do Calixto em O Cravo e a Rosa (2000), quer voltar às telinhas, mas descarta que este retorno aconteça em novelas.

Veja também – Cenoura no reto: ex-galã da Globo desabafa sobre história vexatória que manchou sua carreira

Apesar de uma doença pulmonar crônica, o ator diz não ter qualquer impedimento para seguir com sua vida na ativa. Muito pelo contrário: atualmente, tem se dedicado a uma peça teatral no Rio de Janeiro, O Ator e o Lobo.

Somando o tempo de TV, cinema e teatro, a carreira de Rangel ultrapassa os 50 anos. Entretanto, isto parece ter sido responsável por incentivá-lo a cada vez mais estar com a vitalidade suficiente. Ultimamente, tem se apaixonado em fazer tatuagens e ainda pensa em novos trabalhos.

Calixto em cena da novela O Cravo e a Rosa (Foto: Reprodução)
Calixto em cena da novela O Cravo e a Rosa (Foto: Reprodução)

Há poucas semanas atrás, ele ressurgiu em uma produção inédita da TV Cultura, que homenageou o bicentenário da Independência do Brasil. Antes disto, seu último projeto para a televisão havia sido em 2017, em uma série de um canal pago.

Veja também – Grande nome das novelas da Globo, ator perdeu a vida em incêndio no próprio apartamento

Desde 2012, o ator tem rejeitado convites para novelas e ele explica: “Estou bem, disposto. Nunca fiquei inválido, absolutamente. Podem me mandar convites, que eu aceito, conforme for. Já houve um tempo em que eu fazia teatro e novela ao mesmo tempo“.

Cheguei ao ponto de apresentar uma peça em Portugal e voltar correndo pra gravar cenas no Rio. Agora não quero mais. Prefiro obras menores, porque novela são dez meses de batalha. E eu não sou mais um menino, né?“, completa o ator, em entrevista ao jornal Extra.

Pedro Paulo Rangel antes e hoje (Foto: Reprodução)

Nos registros mais recentes, Pedro Paulo Rangel aparece jovial e com as mesmas feições da época em que estrelava O Cravo e a Rosa. O ator, assim como milhares e milhares de pessoas no mundo, alega também ter ficado sem trabalho durante a pandemia.

Veja também – Blindados da crise: Descubra quais são os 10 maiores salários dos atores das novelas da Globo

Em 2022, o objetivo é continuar realizando seus sonhos, trabalhando e se divertindo. Nos próximos meses, ele pretende fechar o braço direito com várias tatuagens: “[…] tenho as máscaras, o caranguejo do meu signo [câncer] e a lua de Van Gogh, que é meu planeta regente“.

Agora, não paro mais. Já estou estudando um espaço aqui para o quarto desenho, do meu orixá, Oxalufã. Quero fechar, em forma de bracelete“, planejou Pedro Paulo Rangel, que está há nove anos sem contrato com a Globo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.