Onde Nascem os Fortes: Maria é perseguida depois de matar estuprador

Onde Nascem os Fortes: Maria é perseguida depois de matar estuprador

Pedro e Maria - Onde Nascem os Fortes

Maria (Alice Wegmann) vai se dar muito mal nos próximos capítulos da novela Onde Nascem os Fortes. Depois de descobrir que o desparecimento de Nonato (Marco Pigossi) aconteceu depois de uma briga que ele teve com Pedro Gouveia (Alexandre Nero), a loira partirá como uma louca para enfrentar o Rei do Sertão e descobrir o paradeiro do irmão. Ela apontará uma arma pra ele e, após ser surpreendida por um dos capangas, a jovem acabará acertando Joana (Maeve Jinkins), amante do todo poderoso.

Maria conseguirá fugir, mas logo será capturada e sofrerá uma tentativa de estupro, que só não se concretizará porque ela acertará um golpe na cabeça do funcionário de Pedro e ele acabará morrendo. A irmã de nonato conseguirá fugir novamente e será caçada como um animal pelos homens do Rei do Sertão.

De acordo com o colunista de TV Daniel Castro, o empresário exigirá que Plínio (Enrique Diaz) tranque a forasteira na cadeia. O delegado, sedento por encontrar a loira, invadirá o templo de Samir (Irandhir Santos) com brutalidade e farejará cada ponto do local como um cão faminto em busca de comida.

Porém, Maria conseguirá escapar com antecedência em uma camionete, graças à Hermano (Gabriel Leone), que a alertará a tempo de sair da comunidade religiosa.

“Vocês acham que podem viver aqui, nesse fim de mundo, fazendo o que bem entendem? Não podem, não”, esbravejará Plínio, mas todos permanecerão calados. “Meu senhor, me dê força para suportar a humilhação”, suplicará Samir, antes de se ajoelhar.

Veja também: Resumo dos próximos capítulos da novela Onde Nascem os Fortes

“Pronto, ajoelhou, já começa a rezar. Vocês sabem quem eu estou procurando. Quem vai me contar onde ela está?”, questionará o delegado. Plínio revistará todos os pontos do local até perceber que Simplício (Lee Taylor) estará o encarando sem medo.

“Que que está olhando? Cadê a quenga safada? Fala”, exigirá a autoridade policial. Simplício, por sua vez, permanecerá em silêncio, mas sustentará o olhar. O delegado reagirá de forma agressiva e dará um chute no rosto dele. “O senhor é polícia, mas não tem o direito de humilhar os outros”, disparará o personagem de Lee Taylor.

Plínio, perderá a paciência e sacará sua pistola apontando-a para a cabeça de Simplício. “Repete, seu merda”, gritará. “Aponte a arma para mim, delegado. Deixe o rapaz”, intervirá Samir. “Cale a boca e não se meta”, ordenará.

Um homem, então, avisará que Maria fugiu mais cedo com a ajuda de Hermano, mas não está longe. “Vamos pegar a quenga”, garantirá Plínio.

Ao mesmo tempo, o público verá Maria se esconder no meio de ossadas no cemitério da comunidade.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *