Insegurança: Tiroteio quase transformou gravação de novela da Globo em tragédia

Gravação de Os Dias Eram Assim (Foto: Divulgação)

A insegurança é um dos fatores que mais pesam no dia a dia dos brasileiros. Em alguns lugares, esta questão é ainda mais grave, como é o caso do Rio de Janeiro. Foi neste lugar que uma gravação de uma novela da Globo quase protagonizou uma tragédia.

Veja também – Cabeleireira foi humilhada e resolveu expor sexualidade de estrela global: “Soltei a franga dela”

O estado convive com a violência devido o avanço de milícias e a tentativa de combate por parte das autoridades. De maneira ostensiva, os policiais costumam adentrar comunidades populares e protagonizar alguns momentos de tensão.

Foi durante um confronto entre criminosos e policiais que a Globo se viu numa grande saia justa. Uma equipe com atores, produção e vários figurantes estavam na região da Vila Militar de Deodoro, localizada na Zona Norte do Rio, quando uma cena precisou ser interrompida devido um tiroteio.

As gravações eram da novela Os Dias Eram Assim, exibida em 2017 pela Globo. O ocorrido aconteceu em 27 de junho daquele mesmo ano. Em meio ao tumulto, estavam presentes os atores Gabriel Leone e Barbara Reis.

Gabriel Leone e Barbara Reis faziam par romântico em Os Dias Eram Assim (Foto: Divulgação)

Por estarem em um verdadeiro fogo cruzado, imediatamente o protocolo foi pedir que todos se jogassem ao chão. Não houve feridos, mas o risco de ser atingido por uma bala perdida em uma situação deste tipo é grande.

Veja também – Novela da Globo tentou unir dois grandes autores e criou intriga histórica

Durante o susto, a equipe filmava um embate de Diretas Já. No entanto, um carro com criminosos que fugiam de uma perseguição policial invadiu o set de gravações. A viatura com as autoridades chegou atirando.

O problema era que, pelo fato de serem cenas com figurantes policiais, eles estavam portando armas falsas. Um dos figurantes descreveu ao UOL o impasse que teve de enfrentar: “Estava com a farda militar da gravação e um fuzil falso. Joguei no chão na hora e o pessoal continuou patrulhando“.

O que disse a Globo

Por meio de nota emitida para a imprensa, a emissora carioca se posicionou. Eles confirmaram o que aconteceu no bastidor da novela e explicaram que o local foi imediatamente evacuado após o susto envolvendo os profissionais:

Veja também – Saiba qual novela passou por um vexame tão grande que a Globo apagou as fitas do arquivo

Nesta terça-feira, dia 27, as gravações de Os Dias Eram Assim, que aconteciam na Vila Militar de Deodoro, tiveram que ser interrompidas por causa de uma perseguição policial que atravessou o mesmo terreno onde o set havia sido montado. Atores, equipe técnica, figuração e direção foram retirados do local, em segurança

Polícia se explicou

Procurados para comentar o assunto, as autoridades envolvidas no tiroteio também esclareceram a situação. Segundo a Polícia Militar do Rio de Janeiro, tudo começou depois de uma blitz. Após a perseguição que aconteceu em meio a gravação da novela da Globo, os criminosos não foram encontrados.

Veja também – Enterrado vivo? Ator global morto causou pânico após notícia de que teria ressuscitado no caixão

Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Batan, por volta das 17h desta terça-feira (27/6), policiais da unidade realizavam uma blitz no viaduto próximo ao Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, quando criminosos em um veículo roubado não respeitaram a ordem de parada e atiraram contra os agentes. Houve confronto e perseguição. Os bandidos abandonaram o automóvel na Avenida Brasil, altura da Vila Militar, e fugiram a pé. O carro foi recuperado pelos agentes e nele foi encontrado uma réplica de pistola. O caso foi registrado na 33ª DP (Realengo)

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.