Inconformada com o atentado sofrido por Moa, Pat faz denúncia contra Danilo: “Tentativa de homicídio”

Pat denuncia Moa por tentativa de homicídio
Pat denuncia Danilo por tentativa de homicídio (Foto: Reprodução)

O atentado que Moa (Marcelo Serrado) sofrerá por parte de Danilo (Ricardo Pereira) deixará o protagonista em estado grave no hospital, a ponto de fazer com que ele tenha traumatismo craniano. Inconformada com o ocorrido, Pat (Paolla Oliveira) decidirá denunciar o vilão na tentativa de que ele seja preso e pague por isso em Cara e Coragem.

“Eu vim fazer uma denúncia contra o Danilo Bosco. Um fato que eu presenciei e que fez uma vítima que está desacordada na UTI de um hospital”, disparará a dublê na delegacia, durante conversa com Marcela (Julia Lund) e Paulo (Fernando Caruso). “Tudo bem, Patrícia. E qual seria a denúncia contra o Danilo Bosco?”, vai querer saber a delegada. “Tentativa de homicídio!”, afirmará a loira.

Veja também: resumo dos próximos capítulos de Cara e Coragem

Em seguida, o policial se mostrará interessado e, então, pedirá a protagonista que conte essa história desde o início. “A Rebeca [Mariana Santos], mulher do Danilo, abandonou ele e foi morar na antiga casa do Moa, que é ex- marido dela. O Moa tá morando comigo. Eu, ele, o filho dele e os meus filhos. O Danilo ficou furioso que a Rebeca estava ficando lá na casa do Moa e foi atrás dela“, confessará a irmã de Lou (Vitória Bohn).

Logo depois, a mocinha também falará que os dois chegaram a se degladiar no topo do edifício e que o vilão empurrou o rival do alto da escada de incêndio do prédio. “Aí, o Moa caiu na calçada, bateu a cabeça e está lá agora na UTI, desacordado”, completará a filha de Joca (Leopoldo Pacheco).

Danilo fugiu

Na sequência, o personagem de Fernando Caruso alegará que a acusação é bastante séria, sendo que Pat ainda falará que o comparsa de Leonardo (Ícaro Silva) e Regina (Mel Lisboa) fugiu posteriormente e não deixou rastros. No entanto, antes de tomar qualquer tipo de atitude, Marcela fará questão de escutar outras pessoas, embora suspeite do crápula.

“Não acho que ele foi muito longe. Deve ter sumido pelas primeiras 24 horas, pra escapar de ser preso em flagrante, e agora está pensando no que vai dizer”, comentará a delegada. “É, o cara ainda vai se apresentar na delegacia com advogado do lado”, concordará o agente, saindo à procura do acusado, em cenas que vão ao ar no próximo dia 15.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.