Descoberta, Donatela é algemada pela polícia e é obrigada explicar falsa morte na delegacia: “um crime não justifica o outro”

(Foto: Reprodução)

Em A Favorita, Donatela (Claudia Raia) finalmente conseguirá desmascarar Flora (Patrícia Pillar) e terá a sua tão sonhada liberdade. Para isso, a ex-presidiária fará com que a vilã confesse todos os seus crimes no palco de um teatro que ambas se apresentariam.

Após Flora revelar que foi ela a autora das mortes que cometeu, a víbora tentará fugir, mas será capturada após se desequilibrar de uma janela e cair. Por outro lado, o delegado ficará chocado a ver que Donatela está viva e que forjou a sua própria morte.

“Então você esteve esse tempo todo foragida“, dirá o delegado. Donatela, porém, ficará assustada: “Era a única saída que eu tinha para provar a minha inocência. Tanto é verdade que está aí, eu consegui”, falará a protagonista. “Mas um crime não justifica o outro. A senhora vai ter que nos acompanhar”, rebaterá a autoridade.

Na sequência, Zé Bob dirá para Donatela não se preocupar. Halley, então, dirá que pagará a fiança assim que ficar comprovado que a mãe é inocente de tudo. “Pode me levar”, concluirá a personagem de Cláudia Raia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.