Débora não morreu? Mãe de Chiara pode ter retorno triunfal para desmascarar Guerra e se revelar para a filha

(Foto: Reprodução)

Quem assistiu aos primeiros capítulos de Travessia deve se recordar da morte trágica de Débora (Grazi Massafera), a mãe biológica de Chiara (Jade Picon). Na ocisão, os médicos apenas conseguiram salvar o bebê, que foi adotado por Guerra (Humberto Martins) posteriormente. Porém, muita gente aposta que a personagem não morreu, principalmente após a autora, Glória Perez, ter falado sobre o assunto na internet.

Mas, será que Débora morreu mesmo? E isso faz muito sentido. Para quem não se lembra, ninguém viu ela sendo enterrada, dando indícios de um possível retorno no decorrer da trama. Se isso acontecer, será uma virada triunfal, surpreendendo. Afinal, Chiara vive procurando respostas sobre o seu passado, mas Guerra faz questão de abafar sobre o assunto.

Veja também: Resumo da novela Travessia

Na internet, Gloria Perez respondeu alguns internautas e fez mistério. “Meu Deus, mataram a Grazi no primeiro capítulo da novela? Que diabe isso Gloria Perez?”. A dramaturga, contudo, respondeu ao internauta: “Calma”, disse. Rapidamente, os noveleiros de plantão começaram a criar teorias sobre o retorno triunfal de Débora.

“Existe a chance”, revela diretor de Travessia sobre a volta de Débora

Mauro Mendonça Filho, responsável pela direção artística da novela, reagiu sobre a possibilidade da volta da personagem de Grazi Massafera: “Posso certamente dizer que existe chance”, surpreendeu em entrevista à coluna Patricia Kogut, do jornal O Globo.

Veja também: Travessia sofre cortes para mostrar transformação rápida de Brisa e sofrimento de Ari; confira o que vai mudar

Mauro, porém, fez uma ressalva e pediu um tempo para “ver como o público sente a personagem” e, no caso, a falta dela. “Eu acho que ela abrilhanta qualquer trabalho”, enalteceu.

A trama é escrita por Gloria Perez, sob direção artística de Mauro Mendonça Filho. Nos papéis principais, a novela conta com Lucy Alves, Rômulo Estrela, Chay Suede, Jade Picon, Drica Moraes, Vanessa Giácomo, Giovanna Antonelli e Alessandra Negrini.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.