Cuidado com o chifre: relembre as traições mais marcantes das novelas

Os cornos chamaram atenção em diversas novelas bastante conhecidas pelos brasileiros (Foto: Divulgação)

Como se sabe, as novelas são uma representação do mundo real. Assim, pretendem ser semelhantes, ou inspirações muitas vezes quase que perfeitas, de situações que acontecem em nosso dia a dia.

Veja também – Eles cresceram: após 20 anos, saiba como está hoje em dia o elenco mirim de O Clone

É por isto que as diversas sensações que convivemos tendem a serem retratadas através das histórias da dramaturgia. Não a toa nos deparamos com discussões polêmicas e as quais muitos veem como tabu, porém são tabus exatamente porque são pouco discutidas.

Algumas situações típicas são retratadas nas novelas de maneira tão semelhante à vida real que, muitas vezes, chegam a ser cômicas. Portanto, relembre alguns casos marcantes de traições ocorridas nas tramas e que os noveleiros de plantão certamente acompanharam (ou até mesmo, se reconheceram):

Torre de Babel

Tem muitas histórias que Torre de Babel (1998) nos marcou e, dentre elas, esteve o personagem de Tony Ramos. Quem acompanhou a novela sabe que Clementino era um bom moço e fez muitas telespectadoras o imaginarem como um marido perfeito.

Tony Ramos se tornou vilão após se frustrar em Torre de Babel (Foto: Divulgação)

Porém, ao se deparar com a traição de Celeste (Letícia Sabatella) ele fica em choque. Deu um voto de confiança à ex-prostituta, que é flagrada na cama com dois homens. Frustrado, Clementino se torna um vilão e mata Celeste de uma forma brutal: com golpes de pá, daquelas utilizadas em obras.

Veja também – Destaque em Da Cor do Pecado, atriz abandona carreira e rejeita retorno às novelas; saiba quem!

Belíssima

O poder e glamour de Glória Pires na novela de Silvio de Abreu não a impedia de sofrer. Era tanto sofrimento que Júlia (Glória Pires) passava nas mãos de Bia Falcão (Fernanda Montenegro) e, como se não bastasse, ainda teve de se deparar com a dor da traição.

Cena de Júlia descobrindo a traição em Belíssima (Foto: Divulgação)

Júlia, empresária e dona de uma agenda lotada, faz uma viagem e ao retornar tem uma surpresa. O marido André (Marcello Antony) estava na cama com a própria filha de Júlia, Érica (Letícia Birkheuer). Em uma cena emblemática, a vítima da traição surta e faz um barraco, os expulsando.

Veja também – Quanto Mais Vida Melhor: tudo o que você precisa saber sobre a nova novela das sete da Globo

Caminho das Índias

Esse caso de corno das novelas rendeu boas risadas. Norminha (Dira Paes) esperava Abel (Anderson Müller) dormir após o copo de leite “batizado” com uma substância para fazê-lo dormir. Os dois trocavam carinhos e Abel era tratado como um bebê. Ela, enquanto adulta, era a responsável por fazer a festa depois da “sonequinha” de Abel.

Norminha entregava todos os dias um leite “batizado” ao marido em Caminho das Índias (Foto: Divulgação)

Embalado pela trilha sonora de Calcinha Preta com o refrão “Você não vale nada, mas eu gosto de você”, Norminha deixava Abel com o chapéu de touro e fazia festa curtindo com os homens da vila.

Veja também – Autora de O Clone critica Globo: relembre três novelas de sucesso de Glória Perez

Ela só não esperava que Abel achasse algo estranho e, certo dia, resolvesse não beber o copo de leite. Abel, então, a segue e encontra a esposa aos beijos com outro. Ele se revolta e a expulsa de sua vida, jogando todos os seus pertences no meio da rua.

Avenida Brasil

Considerada uma das maiores audiências das novelas em nosso país, Avenida Brasil (2010) também teve gente levando chifre. Foi Tufão (Murilo Benício) o “coroado” e a descoberta aconteceu após ele receber as fotos comprometedoras da sua esposa.

Cena de Tufão descobrindo a verdade sobre Carminha (Foto: Reprodução)

Carminha (Adriana Esteves) tinha um romance proibido com Max (Marcello Novaes), que é deixado de lado pela vilã. Como vingança, Max deixa uma caixa para que Tufão descubra tudo o que a esposa foi capaz de fazer escondido dele.

Veja também – Cinco apostas erradas que o SBT fez e se arrepende amargamente

O ex-jogador encontra a esposa e fala várias verdades para ela, que tenta se justificar dizendo a fatídica frase: “Isso é tudo coisa de computador!”. Sem conseguir sustentar os argumentos, Carminha é expulsa à força da mansão por Max.

A Dona do Pedaço

O Brasil comprou a briga da batalhadora Maria da Paz (Juliana Paes) em A Dona do Pedaço (2019). No dia 17 de agosto de 2019, uma das maiores audiências da novela foi a cena em que a boleira da novela de Walcyr Carrasco flagrava uma traição inesperada.

Josiane, Régis e Maria da Paz em A Dona do Pedaço (Foto: Montagem)
Josiane, Régis e Maria da Paz em A Dona do Pedaço (Foto: Montagem)

Nos mesmos moldes do que aconteceu em Belíssima (2006), Régis (Reynaldo Gianecchini), o marido de Maria da Paz, estava nos amassos com a filha da boleira, Josiane (Agatha Moreira), quando os dois foram flagrados no momento nada agradável.

Veja também – Globo surpreende ao demitir Nathalia Dill: veja cinco papéis de destaque da atriz em novelas

Como se não bastasse, Josiane acaba passando a perna na mãe e a deixa no fundo do poço depois de ser confrontada por Maria da Paz. Mas a maneira como a boleira se reergue é emblemática.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *