Confira cinco novelas brasileiras que foram interrompidas às pressas

Rebelde Brasil é um exemplo (Foto: Reprodução)

As novelas são grandes produções televisivas, com a intenção de entreter e embalar os corações dos fanáticos nos dramalhões. Porém, a continuidade dos trabalhos depende bastante da aceitação do público.

Veja também – Saiba quais são as cinco novelas que o Canal Viva quer distância e jamais vai reprisar

Também o faturamento é outro atenuante verificado para o prosseguimento de um projeto com esta importância. O efeito inverso também é usual e, sem pensar duas vezes, uma novela pode ser retirada do ar. Listamos alguns casos de interrupções inesperadas de tramas. Veja:

Rebelde

Sucesso de repercussão e de público, Rebelde ganhou os corações dos jovens brasileiros em sua primeira temporada. Tanto é que, diante da aceitação, houve mais uma temporada. O problema é que a estreia de Carrossel impactou fortemente nos números da nova edição de Rebelde, que caiu de 9 pontos iniciais para míseros 3. Assim, a versão brasileira da novelinha teen foi encerrada de maneira abrupta e antecipada, com cenas jogadas fora.

Veja também – Sem oportunidades, veterano da Globo assume que faz empréstimo para evitar fundo do poço

Brida

Última novela inédita da Manchete antes da falência da emissora, Brida enfrentou crise financeira e péssima aceitação no mercado publicitário. Com os salários atrasados dos funcionários da produção, Brida terminou com um resumo narrado. Foi substituída por mais uma reprise de Pantanal.

Banner de divulgação de Brida (Foto: Divulgação)

Malhação: Toda Forma de Amar

Responsável por ser a última temporada inédita de Malhação, Toda Forma de Amar foi fortemente impactada com a crise sanitária imposta pela Covid-19. Os decretos esvaziaram os Estúdios Globo que, impossibilitada de gravar as cenas finais da novela, optou por antecipar o fim de Malhação em um mês. As cenas restantes contaram apenas com os protagonistas narrando o que aconteceu com os demais personagens.

Veja também – Demissão amaldiçoada: Saída de Stênio Garcia da Globo fez praga ser rogada a autor

Babilônia

Considerada um dos maiores fiascos da história da Globo, Babilônia deu espaço para que a Record tornasse sua novela bíblica um fenômeno. Com término previsto inicialmente para a última semana de setembro, a trama teve o término antecipado e a sua sucessora, A Regra do Jogo, teve sua produção acelerada. A frustração dos globais com esse fiasco foi tamanha que o autor Gilberto Braga não voltou mais a fazer novas novelas depois de Babilônia.

Autor Gilberto Braga faleceu recentemente - Foto: Reprodução
Gilberto Braga foi autor de Babilônia (Foto: Divulgação)

Sol de Verão

Este foi um caso bem emblemático, no qual o protagonista morreu e o autor saiu. Sem estruturas para continuar, Sol de Verão teve que ser retirada do ar muito antes do previsto. Ficou um buraco na grade de programação, que deu como solução a reprise de O Casarão enquanto a sucessora da faixa não ficava pronta.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.