Brisa vai para a cadeia junto com Oto, mas mentira cruel faz o rapaz ser solto e deixa a mocinha em maus lençóis

Brisa e Oto serão presos em Travessia. (Foto: Montagem/Reprodução)

Na fase inicial de Travessia, Brisa (Lucy Alves) vai passar por muitos perrengues, ao quase ser linchada na rua por uma fake news armada por Rudá (Guilherme Cabral) e depois ir parar atrás das grades injustamente.

Tudo começa quando a mocinha, de forma injusta, é acusada de ser uma sequestradora de crianças, e ao fugir de uma multidão enfurecida, ela se esconde no porta-malas do carro de Oto (Romulo Estrela), que está em uma missão secreta no Maranhão a pedido de Moretti (Rodrigo Lombardi). O hacker acaba se sensibilizando com a situação da moça e decide levá-la junto com ele para o Rio de Janeiro.

Ao chegar lá, no entanto, Brisa acaba vestindo um casaco de Oto que tem um revólver escondido no bolso. A arma cai no chão, bem diante de um policial, que dá voz de prisão aos dois e os encaminham até uma delegacia, onde são presos. O hacker trata de ligar para Moretti, explicando tudo o que aconteceu, e o empresário decide mandar Stenio (Alexandre Nero) para cuidar do seu caso.

Oto mente para incriminar Brisa, mas acaba se arrependendo

Para conseguir se safar, Oto será orientado a mentir, acusando Brisa de ser a dona do revólver. Assim, o hacker será libertado, mas a mocinha ficará em maus lençóis, permanecendo presa injustamente. E ao ser transferida para outro presídio, ela descobre que foi incriminada pelo rapaz.

Veja também: resumo dos próximos capítulos de Travessia

Porém, o sentimento de culpa vai dominar Oto, que tentará se redimir. Depois de ficar pensativo analisando o inquérito policial que decretou a prisão da morena, ele decidirá ajudá-la. O hacker vai até a penitenciária onde Brisa está e comunica a ela que contratou um advogado para cuidar do seu caso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.