Assassina, Úrsula planeja forma para se livrar da polícia: “Desovar em algum matagal”

Úrsula vai desovar o corpo de Abel em matagal
Úrsula vai desovar o corpo de Abel em matagal (Foto: Reprodução)

Depois de matar Abel (Adriano Petermann), Úrsula (Bárbara Paz) decidirá planejar uma forma para se livrar das investigações da polícia quanto ao assassinato do homem em Além da Ilusão. Ameaçada até o pescoço, pelo fato de o amante ter prometido entregar ela e Joaquim (Danilo Mesquita) a Eugênio (Marcello Novaes), a megera não verá outra alternativa a não ser a de atirar contra ele e posteriormente desovar o corpo em algum matagal na trama de Alessandra Poggi.

“Chega de ameaças, desgraçado!”, disparará a vilã, atirando bem no coração do canalha, que virá à óbito. “Virgem santa! O que eu fiz?”, questionará a ambiciosa, assustada. “Você matou o homem”, falará Joaquim, ainda sem acreditar no ocorrido. “Eu matei? Matei o Abel… Melhor assim”, rebaterá ela, que terá ficado sob a mira de uma faca.

Veja também: resumo dos próximos capítulos de Além da Ilusão

Chocado, o personagem de Danilo Mesquita devolverá: “Como melhor assim? Hoje mesmo me disse que matar uma pessoa não é como matar um mosquito. Que a consciência pesa. Por que fez isso?”. “Como por quê? Queima de arquivo, Joaquim! Eu não podia permitir que ele revelasse ao Eugênio que não estou grávida. Pior! Que tivemos um caso! Estava ameaçando contar também sobre o nosso golpe na fábrica”, explicará a cretina.

“Mas o homem já estava de saída! Já tinha aceitado o dinheiro e ia embora da cidade!”, alegará o marido de Isadora (Larissa Manoela). “Ia voltar pedindo mais e mais. Não conhece os chantagistas? Agora, vamos pensar: temos que nos livrar do corpo antes que seu padrinho chegue. Sorte que a criada não volta mais hoje”, reagirá Úrsula.

Atitude macabra

Nessa hora, os dois darão início ao plano de desovar o corpo do chantagista em algum lugar isolado. “Meu Deus! Se a polícia descobre, vamos os dois presos. Não quero ir pro xadrez, não vou suportar!”, se desesperará Joaquim. “Ninguém vai ser preso, está me ouvindo? Agora ponha-se em brios que precisamos ter sangue-frio! Pega ele pelos ombros que eu pego pelos pés. Vamos colocar o corpo no carro e desovar em algum matagal. Anda, é pra já!”, ordenará a antagonista.

Na ocasião, Abel será enrolado no tapete sujo de manchas de sangue e conduzido até o veículo. “Escuta bem o que você vai fazer. Vai dirigir pra bem longe da cidade, na direção da fazenda do coronel Aristides. Depois que acabam as terras dele, começa uma mata virgem, por onde quase ninguém se aventura. Deixa o corpo lá. E depois se livra do tapete também”, vai direcionar a pilantra.

Veja também: Úrsula revela a Eugênio que Joaquim é seu irmão de sangue, ele fica incrédulo e despreza a vilã

Temendo o pior, Joaquim, então, perguntará se a víbora não o acompanhará, recebendo prontamente uma negativa. “Claro que não. Preciso limpar o resto da sujeira, dar sumiço na arma do crime! Esconder aquela dinheirama toda!”, dirá ela. “Está certo, o trabalho sujo sobrando pra mim”, se irritará o playboy.

“Não reclama, Joaquim. O que eu fiz foi pra salvar nós dois! Na volta, você faz uma mala rápida, pega uma parte daquele dinheiro e se manda pra capital. Nada de ficar em Campos de olho no Rafael. Pra todos os efeitos, você já vai ter viajado desde ontem, como seu padrinho ordenou”, finalizará Úrsula.

Siga o Resumo das Novelas On nas redes sociais:

@resumodasnovelason

@resumodasnovelas.online

@resumonovelason

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.