Após 13 anos, despedida de atriz global que tomou veneno de rato ainda choca: “Deus me perdoará”

Leila Lopes faz falta até hoje (Foto: Divulgação)

Se passaram 13 anos e até hoje o turbilhão de sentimentos causados por uma decisão inesperada de uma grande atriz global ainda emociona àqueles que acompanharam sua carreira meteórica.

Veja também – Macumba para ter papel em Tieta: Hoje pastora, ex-atriz revela passo a passo para chegar ao auge

Leila Lopes começou na TV quando participou da minissérie O Guarani, da extinta Manchete. Ela se deu bem na estreia e, imediatamente, o executivo global Cláudio Cavalcanti a convidou para se tornar uma das grandes atrizes da emissora carioca.

Em 1992, a vida da atriz virou praticamente de cabeça para baixo, uma vez que ela deixa a pequena notoriedade da emissora dos Bloch e vai parar na líder de audiência. Depois de viver a Carol em Despedida de Solteiro, os convites não pararam de surgir.

Lopes sempre esteve em papéis de destaque e era difícil não reparar nela: além de sua beleza estonteante, a atriz chamava atenção por seu grande talento. Em 1993, veio mais um papel de sucesso e, da faixa das seis, ela vai parar num folhetim das nove.

Veja também – Ela chegou ao fundo do poço: Saiba o rumo surpreendente que a vida da atriz Giulia Gam tomou hoje em dia

Em Renascer, interpreta a Lu, talvez sua personagem mais conhecida até hoje. Também faz parte de seu currículo atuações novelas globais e de outras emissoras: Tropicaliente (1994), O Rei do Gado (1996), Malhação (1997), Chiquititas (1999), Marcas da Paixão (2000) e dentre outras.

Lu, personagem de Leila Lopes em Renascer (Foto: Divulgação)

Porém, depois de uma passagem pela Record, Leila Lopes não teve novas oportunidades na TV. As portas se fecharam e ela investiu no teatro. Mas as dificuldades enfrentadas por seu novo padrão de vida ficaram notórias e a abalaram bastante.

Veja também – Censurada, novela das oito perdeu até pra Manchete e Globo determinou que ela jamais fosse reprisada

Até que, em 2008, Lopes decide se tornar atriz p0rnô. Se torna uma das estrelas da produtora Brasileirinhas. Inicialmente ela chegou a negar os trabalhos para filmes adultos, mas depois não conseguiu mais esconder.

Leila Lopes não gostou da repercussão negativa em torno do assunto e tentou apagar esta decisão de sua vida. Porém, a mídia não deixava e insistia em taxá-la como uma profissional fracassada. Isto teria acarretado na decisão drástica da noite de 03 de dezembro de 2009, quando a atriz ingeriu veneno de rato.

Ao seu lado, estava uma carta escrita à mão em que ela se despedia de familiares e amigos. Em um dos trechos, Lopes diz não considerar ter cometido suicídio e deixa claro o quanto a imprensa foi responsável por adoecê-la:

Veja também – Atitude inesperada: Depois de morrer, Eva Todor deixou todos em choque quando testamento foi aberto

Não chorem, não sofram, eu estou ABSOLUTAMENTE FELIZ!!! Era tudo o que eu queria: ter paz eterna com meu Deus e, se possível, com minha mãe. Eu não me suicidei, eu parti para junto de Deus. Fiquem cientes de que não bebo e não uso drogas, decidi que já fiz tudo que podia fazer nessa vida. Tive uma vida linda, conheci o mundo, vivi em cidades maravilhosas, tive uma família digna e conceituada em Esteio, brilhei na minha carreira, ganhei muito dinheiro e ajudei muita gente com ele. Realmente não soube administrá-lo e fui iludibriada [sic] por pessoas de má-fé várias vezes, mas sempre renasci como uma fênix que sou e sempre fiquei bem de novo. Aliás, nunca me importei com o ter.

Bom, tem muito mais sobre a minha vida, isso é só para verem como não sou covarde não, fui uma guerreira, mas cansei. É preciso coragem para deixar esta vida. Saibam todos que tiverem conhecimento desse documento que não estou desistindo da vida, estou em busca de Deus. Não é por falta de dinheiro, pois com o que tenho posso morar aqui, em Floripa ou no Sul. Mas acontece que não quero mais morar em lugar nenhum. Eu não quero envelhecer e sofrer. Eu vi minha mãe sofrer até a morte e não quero isso para mim. Eu quero paz! Estou cansada, cansada de cabeça! Não aguento mais pensar, pagar contas, resolver problemas… Vocês dirão: Todos vivem!!! Mas eu decidi que posso parar com isso, ser feliz, porque sei que Deus me perdoará e me aceitará como uma filha bondosa e generosa que sempre fui.

Aos meus fãs verdadeiros, aos jornalistas imparciais, ao Walther Negrão e sua esposa Orphilia, à LBV, ao Eduardo Gomes, ao prefeito de Itu, Herculano Neto, e toda a sua equipe, e ao meu amigo Zé, meu muito obrigada. Às emissoras que trabalhei, obrigada. E aos colegas maravilhosos, muita luz! A todos os sites dignos que acompanharam a minha vida, SUCESSO!!! Ego, Esther Rocha, Thiago, Odair Del Pozzo, Felipe Campos, não se sintam esquecidos. Não posso citar nomes de amigas, pois aí seria um livro, mas Sueli você é a irmã que não tive. Márcia, seja sempre feliz amiga. Magrid, obrigada por tudo! Andréia, do TV Fama, beijo amiga. Tadeu (di Pietro) cadê você??? Desculpe a quem esqueci, a vida foi muito mais maravilhosa do que sofrida para mim. Obrigada, Jesus, Nossa Senhora e meu Deus, perdoem-me e recebam-me como a filha honesta e bondosa que sempre procurei ser! Fiquem com Deus, todos!

Se existe sentimento maior que o amor, desconheço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.